As lyndas de Hollywood no tapete vermelho no Met Gala

O Met Gala (não consigo não rir com esse nome, plmddx), o maior evento da moda mundial (tô errado?), conduzido pela manda chuva Anna Wintour, aconteceu ontem voltou a provar que Hollywood é maior que tudo, não tem jeito. O … Continuar a ler As lyndas de Hollywood no tapete vermelho no Met Gala

SPIRIT AWARDS 2022

Final de semana passado foi a entrega dos Spirit Awards, os prêmios mais legais do cinema indie americano, apresentados pelo melhor casal de todos, Megan Mullally e Nick Offerman, na foto mandando carinho pro Putin. A lista dos premiados foi ótima mas também ótimo foi a tapete vermelho, que recebeu um povo bem bacana. Os principais prêmios foram: “A Filha Perdida” levando filme, direção e roteiro; Simon Rex (“Red Rocket”), como melhor ator e Taylour Paige (“Zola”) como melhor atriz. Os coadjuvantes foram Troy Kotsur (“No Ritmo do Coração”) e Ruth Negga (“Identidade”). “Identidade” ainda ganhou fotografia e “Zola”, edição. … Continuar a ler SPIRIT AWARDS 2022

Oscar 2019: os vencedores.

A pergunta que não quer calar: pra que precisamos de uma premiação ainda como o Oscar em 2019 se todos, repito, todos os vencedores já haviam vencido em premiações anteriores neste mesmo ano? Sim, Green Book (um filme bonitinho mas ordinário) venceu por ser uma versão sanitizada de um filme sobre racismo, o do Spike Lee, que é um tapa na cara da sociedade não só cinematográfica americans, mas em geral. Ao final das contas, Spike Lee ter um filme indicado a melhor filme nos Oscar só foi em 2019 é uma vergonha nacional. Daí, como fala de KKK se fudendo, de negrão sendo mais esperto que todos os brancos … Continuar a ler Oscar 2019: os vencedores.