244/2020 UMA SEREIA EM PARIS (#FANTASIA2020)

Depois de quase 20 anos, olha o tempo que demorou, a França nos brinda com uma nova Amélie Poulain.

Nesse caso, Lula, a sereia em Paris do título dessa lindeza de filme escrito e dirigido pelo ótimo Mathias Malzieu (de Jack e a Mecânica do Coração).

A sereia Lula é encontrada machucada à beira do Sena por Gaspard em mais uma noite de desilusão, quando voltava para sua casa.

Tudo que ele não esperava era encontrar uma sereia que ele logo leva para o hospital e sem perceber, faz com que um médico já morra porque se apaixona imediatamente por Lula.

Gaspard então a esconde em seu apartamento e tem 48 horas para que seus ferimentos melhorem para que ele possa levá-la de volta ao seu habitat.

E outra, precisa escondê-la direitinho para que ninguém mais morra de amor (literalmente) por seus encantos.

Acontece que Gaspard não é um cara comunzão, tipo o Tom Hanks no filme da outra sereia. Ele é um artista, cantor, performer e herdeiro de um grupo de artistas franceses que se encontram há anos às escondidas no barco de sua família, primeiro capitaneado por sua avó, depois sua mãe e agora por seu pai.

Gaspard e seu pai cuidam direitinho para que essa herança de gerações não se perca e nem se torne pública para que, de novo, não se perca, de outra forma.

Mas Gaspard está em uma fase de completa desilusão em sua vida, com a arte, com a vida e com o amor.

Por isso ele não se apaixona logo de cara porLula e assim consegue se salvar de sua voz.

Aos poucos eles se aproximam e formam o casal mais lindo do ano, com imensas declarações de não-amor, como eles mesmos dizem, para que nenhuma tragédia acontece.

Gaspard transforma seu banheiro em um pequeno santuário para Lula e conta, mesmo sem pedir, com a ajuda de sua vizinha mais que excêntrica vivida pela diva Rossy de Palma.

O universo criado no filme fazem com que essas 48 horas de Lula fora d’água quase atinjam um nível o nível das melhores fantasias francesas para adultos, de Delicatessen a Amélie Poulain.

Uma Sereia Em Paris é daqueles filmes que os de coração peludo vão falar um monte, que é quase infantil, que é muito romântico, que é muito coloridinho e se bobear, vão dizer que é muito cafona.

Eu não discordo de nenhum desses adjetivos mas digo uma coisa: imagina o lado bom deles todos, do cafona romântico fofo e lindo, com uma história de fazer a nossa alma ficar leve por quase 2 horas e o melhor, me fez pensar que de vez em quando o amor chega em doses homeopáticas.

Esses nossos dias de imediatismo absurdo nos fazem esquecer do aprender a respirar fora d’água, do entender as coisas menos óbvias , pelo menos pra mim.

Uma Sereia em Paris é o filme lindo, com os 2 pés na animação e na direção de arte maravilhosas e que por isso mesmo, por seu criador ter esse trabalho nessa área consegue dar sempre uma cara não muito óbvia a uma história que menos bem cuidada e com um pouco menos de paixão, não funcionaria.

NOTA: 🎬🎬🎬🎬

5 pensamentos sobre “244/2020 UMA SEREIA EM PARIS (#FANTASIA2020)

  1. Boa noite! Onde você conseguiu assistir este filme? Tentei encontrá-lo via torrent, mas só consegui links com o filme gravado por uma cam, ou seja, péssima imagem e áudio.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s