255/2021 NÓS SOMOS AS NOVAS QUIMERAS

Nós Somos As Novas Quimeras é um dos documentários mais legais que assisti ultimamente.

O filme nos mostra a última edição do Festival do Fogo de Beltane, que acontece todo ano na Bretanha, na França, no início do verão comemorando o final do frio e dos tempos sombrios.

Olha que coisa mais hippie.

Engano meu: o Feux de Beltane é um Festival de Black Metal!

Barulhento, cheio de cabeludo de jaqueta de couro, cheio de banda agressiva que faz música adorando a natureza e cheio de homem com cara de mal querendo morar no meio do mato e viver de vender cerveja orgânica.

Olha que coisa mais hippie!

Em um momento do filme, um dos organizadores diz que ao final do Festival, quando eles começam recolher tudo para irem embora, eles não encontram um bituca de cigarro sequer no chão, de tanto que as pessoas respeitam a natureza.

Ah, claro, o Festival acontece no meio de uma floresta, em destino desconhecido, onde só os “introduzidos” tem conhecimento e permissão para participarem.

O filme mostra a última edição do Fogo de Beltane, que aconteceu em 2019 e além de me mostrar que os caras do black metal são muito fofos, o filme me fez conhecer uma banda francesa que diz que desconstrói o black metal e eu adorei: Pensées Nocturnes, sugiro que ouçam e se surpreendam também.

O Fogo de Beltane é aceso no início do Festival, meio que como se fosse a chama olímpica que fica acesa o evento inteiro e se apaga ao final, mas neste caso, o Fogo sagrado serve para aquecer e iluminar a nova fase da Terra, da saída das sombras e tendo as quimeras como guias.

Sim, as quimeras do título, representadas por aquele animal mítico com cabeça de leão, corpo de cabra e rabo de serpente, são as quimeras humanas, que se consideram pessoas “escolhidas” que possuem mais de um DNA distinto em seu corpo.

Gente boa levando pela mão um bando de gente do bem, mas mal encarados sempre, criando um tipo de um Burning Man sem os playboys, sem os milhões de dólares de produção, sem as fotos de Instagram mas com a primeira ideia de cantar e dançar e comemorar a mãe Terra.

Olha que coisa mais hippie.

PAra assistir o filme, de graça e legendado, só clicar aqui.

NOTA: 🎬🎬🎬1/2

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s