128/2020 OH MERCY! / ROUBAIX, UNE LUMIÈRE

Roubaix, Une Lumière é um policial francês que eu assisti alguns meses atrás quando fui atrás dos vencedores do César, “o Oscar francês” (como eu odeio ter que explicar assim).

O filme, dirigido pelo ótimo Arnaud Desplachen, deu o prêmio de melhor ator ao maravilhoso Roschidy Zem.

E lá fui eu ver um filme do jeito que adoro: sem a menor informação a respeito.

Pensei com meus botões “ah, com esse título deve se passar nos tempos de Napoleão, filme de época com o Zem e com a minha preferida Léa Seydoux, vai ser lindo.

Ledo engano.

Lindo foi, mas a surpresa foi maior.

Roubaix é o nome de uma das maiores cidades da França. E das cidades grandes, é a mais violenta.

Roubaix, Une Lumière é um filme policial. Só que existencialista.

Parece que o roteiro foi baseado em um livro do Sartre que dizia que o “existencialismo é um humanismo”.

Acho que nunca assisti um policial tão humanista como esse, onde os sentimentos do delegado e dos investigadores de uma cidade super violenta tem um foco maior que os crimes e os criminosos em si.

Juro que a cada momento que o filme ia se passando eu ia ficando com o queixo mais caído com a delicadeza como o filme se desenrola e melhor, como todas as personagens são criadas e se desenvolvem.

Os policiais são fofos, o chefe de polícia vivido por Zem é um absurdo de fofo (tanto quanto um policial durão pode ser) e compreensível.

Os bandidos, os culpados e os nem tão culpados, todos eles são “gente normal”, sem caricaturas, sem exageros, se comportam como a gente imagina que se comportariam pessoas com problemas com a polícia.

O que me deixou chocado foi perceber o quanto faz falta um filme como esse, que acabe com estereótipos, que nos proponha uma nova visão sobre ideias tão usuais, personagens que a gente está cansado de ver nas telas e que acaba acreditando no óbvio sem graça.

As críticas que li ao filme foram exatamente sobre esses fatos que me fizeram amar tanto Roubaix.

Se você gosta de novidades, por mais sutis que elas sejam, garanto que Roubaix é um filme para você.

NOTA: 🎬🎬🎬🎬

Um pensamento sobre “128/2020 OH MERCY! / ROUBAIX, UNE LUMIÈRE

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s