176/2022 ME CHAMA QUE EU VOU

Como você deve ter percebido eu sou um evangelizador do In-Edit Brasil.

E como o melhor festival de documentários musicais termina amanhã, não poderia perder a oportunidade.

Se você não viu o filme sobre a Lydia Lunch, nem o filme sobre o mestre dos mestres Genensis P-Orridge e nem o filme que venceu o festival de 2022, o ótimo Manguebit, corre pro site e veja.

E se já viu esses todos que eu indiquei, veja Me Chama Que eu Vou, o documentário divertidíssimo sobre Sidney Magal.

O primo do Vinicius de Moraes, o amante latino, o cara da cigana Sandra Rosa Madalena merece ter a vida contada e a história assistida.

Clica aqui e não perde o filme não.

NOTA: 🎬🎬🎬

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s